segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Larápios que sabem o que se passa nos bancos

2 ladrões entraram num banco numa pequena cidade.
Um deles gritou:
   - "Não se mexam! O dinheiro pertence ao banco mas as vidas são
vossas".
 Imediatamente todas as pessoas se deitaram no chão em silêncio e 
sem pânico.
 LIÇÃO 1: Este é um exemplo de como uma frase dita correctamente e
 na altura certa pode fazer toda a gente mudar a sua visão do mundo.
 Uma das mulheres estava deitada no chão de uma maneira provocante.
 Um dos assaltantes aproximou-se e disse-lhe:
 - "Minha senhora, isto é um roubo e não uma violação. Por favor,
procure agir em conformidade. "
 LIÇÃO 2: Este é um exemplo de como comportar-se de uma maneira
 profissional e concentrar-se apenas no objectivo.
No decorrer do assalto, o ladrão mais jovem (que tinha um curso
superior) disse para o assaltante mais velho (que tinha apenas o ensino
 secundário):
 - "Olha lá, se calhar devíamos contar quanto é que vai render o assalto,
não achas?". O homem mais velho respondeu:
 - "Não sejas estúpido! É muito dinheiro para o estar a contar agora.
 Vamos esperar pelo Telejornal para descobrir exactamente quanto
dinheiro conseguimos roubar".
 LIÇÃO 3: Este é um exemplo de como a experiência de vida é mais
 importante do que uma educação superior.
Após o assalto, o gerente do banco disse ao caixa:
 - "Vamos chamar a polícia e dizer-lhes o montante que foi roubado".
- "Espere", disse o caixa "porque não acrescentamos os 800 mil euros
 que tirámos há alguns meses e dizemos que também esse valor foi
roubado no assalto de hoje??.
  LIÇÃO 4: Este é um exemplo de como se deve tirar proveito de uma
 oportunidade que surja.
No dia seguinte foi relatado nas notícias que o banco tinha sido
roubado em 3 Milhões de Euros. Os ladrões contaram o dinheiro mas
 encontraram apenas 1 Milhão. Um deles começou a resmungar:
 - "Nós arriscamos as nossas vidas por 1 Milhão enquanto a
 administração do banco rouba 2 Milhões sem pestanejar e sem correr
 riscos? Talvez o melhor seja aprender a trabalhar dentro do sistema
 bancário em vez de ser um simples ladrão".
  LIÇÃO 5: Este é um exemplo de como o conhecimento pode ser mais
 útil do que o poder.
 Moral da história: Dá uma arma a alguém e ele pode roubar um banco.
Arranja algfuém para
Administrar um banco  este pode roubar toda a gente










               


O que pretende a ginecocracia


 É necessário saber compreender bem o português
 para interpretar este texto.
Um indivíduo telefonou ao seu amigo e colega,
perguntou-lhe se queria ir até ao café para falarem
 um pouco sobre trabalho na próxima semana.
 E ele respondeu-lhe  que não podia ir porque estava
a trabalhar num “tratamento aquo-termal em cerâmica,
 alumínio e aço e com outras matérias com mistura de
 sais ácidos gordos bases geralmente alcaninas.
 Sob um ambiente técnico familiar controlado! …
Após mais perguntas, ficou a saber que o seu amigo
 estava a lavar a loiça com água quente sob a
supervisão...da mulher






Leiam este texto

RESPIREM FUNDO ANTES DE LER, PORQUE
DEPOIS... VALE A PENA PENSAR UM BOCADINHO E...
VER... SE SE PODE MUDAR ALGO NA NOSSA RELAÇÃO!
E AGORA... LEIAM COM CALMA ESTE EXTRAORDINÁRIO
POEMA DE FERNANDO PESSOA!
 Fernando Pessoa escreveu:
 "Um dia a maioria de nós irá separar-se.
Sentiremos saudades de todas as conversas atiradas fora,
das descobertas que fizemos, dos sonhos que tivemos,
dos tantos risos e momentos que partilhámos.
Saudades até dos momentos de lágrimas, da angústia, das
vésperas dos fins-de-semana, dos finais de ano, enfim...
do companheirismo vivido.
Sempre pensei que as amizades continuassem para sempre.
Hoje já não tenho tanta certeza disso.
Em breve cada um vai para seu lado, seja
pelo destino ou por algum
desentendimento, segue a sua vida.
Talvez continuemos a encontrar-nos, quem sabe... nas cartas
que trocaremos.
Podemos falar ao telefone e dizer algumas tolices...
Aí, os dias vão passar, meses... anos... até este contacto
se tornar cada vez mais raro.
Vamo-nos perder no tempo...
Um dia os nossos filhos verão as nossas fotografias e
perguntarão:
Quem são aquelas pessoas?
Diremos... que eram nossos amigos e... isso vai doer tanto!
- Foram meus amigos, foi com eles que vivi tantos bons
anos da minha vida!
A saudade vai apertar bem dentro do peito.
Vai dar vontade de ligar, ouvir aquelas vozes novamente...
Quando o nosso grupo estiver incompleto...
reunir-nos-emos para um último adeus a um amigo.
E, entre lágrimas, abraçar-nos-emos.
Então, faremos promessas de nos encontrarmos mais vezes
daquele dia em diante.
Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a
sua vida isolada do passado.
E perder-nos-emos no tempo...
Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo: não
deixes que a vida
passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de
grandes tempestades..
Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem
morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem
todos os meus amigos!"
 SUBSCREVO TODAS AS PALAVRAS DESTE POEMA,
PORQUE, SOU TEU AMIGO E TU ÉS ESPECECIAL.lç
E repito, quem assina este fantástico e extraordinário poema
é Fernando Pessoa
e este outro poema dele, é também 5 estrelas:
 "O valor das coisas não está no tempo em que elas duram,
mas na intensidade com que acontecem
Por isso existem momentos inesquecíveis,
coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis"
Fernando Pessoa







Sabes o que é o sucesso?

SABES O QUE É SUCESSO?      
Aos 2 anos sucesso é: conseguir andar
Aos 4 anos . sucesso é: não fazer xixi nas calças
Aos 12 anos . sucesso é: ter amigos
Aos 18 anos . sucesso é: ter carta de condução.
Aos 20 anos. Sucesso é: fazer muito  sexo
Aos 35 anos. Sucesso é: dinheiro
Aos 50 anos. Sucesso é: dinheiro
Aos 60 anos. Sucesso é: fazer sexo
Aos 70 anos. Sucesso é: manter a carta de condução.
Aos 75 anos. Sucesso é: ter amigos
Aos 80 anos. Sucesso é: não fazer xixi nas calças
Aos 90 anos. Sucesso é: conseguir andar.
ASSIM É A VIDA.
NÃO LEVAMOS NADA DELA.
PARA QUE PERDER TEMPO COM MALDADE, ´
FALSIDADE, FALTA DE AMOR,
DESRESPEITO, MAU HUMOR, E TANTAS 
SACANAGENS SEM SENTIDO?
TODOS TERÃO O MESMO DESTINO, 
INDEPENDENTEMENTE DACONDIÇÃO FINANCEIRA
 E DA CLASSE SOCIAL.
PORTANTO, AME MAIS, BRINQUE MAIS, PERDOE 
MAIS EAPROVEITE MAIS A VIDA!
SUCESSO É SER FELIZ !



domingo, 7 de janeiro de 2018

A terapia do elogio

 Entre as várias terapias o elogio também é muito importante. Por isso,
 em vez de criticar ou apoucar tente elogiar, com quem convive e com 
que se relaciona.
Os terapeutas que trabalham com famílias, divulgaram numa recente
 pesquisa, que os membros das famílias  estão cada vez mais frios, mais
 distantes, o carinho é cada vez menor, não se valorizam as qualidades,
facilmente se ouvem críticas.
As pessoas estão cada vez mais intolerantes e desgastam-se na
 valorização dos defeitos dos outros.
 Por isso, as relações de hoje não duram.
A ausência de elogio está cada vez mais presente nas famílias. Não
vemos mais os homens a elogiar as suas mulheres ou vice-versa, não
vemos os chefes a elogiar o trabalho de seus subordinados, não
vemos mais pais e filhos  a elogiar-se; etc.
 Só vemos futilidades:  valorizam-se artistas, cantores, jogadores,
 pessoas que usam a imagem para ganhar dinheiro e que, por
 consequência, são pessoas que tem a obrigação de cuidar do corpo,
 do rosto, das aparências.
 A ausência de elogio afecta muito as pessoas e as famílias.
Há falta de diálogo nos lares.  O orgulho e a agitação da vida impede
que as pessoas digam o que sentem.
Depois despejam-se essas carências nos consultórios.
Acabam-se casamentos, alguns procurando noutra pessoa o que não
 conseguem dentro de casa.
 Vamos começar a valorizar as nossas famílias, os nossos amigos,
alunos ou  subordinados.
Vamos elogiar o bom profissional, a boa atitude, a ética, a beleza do
 parceiro ou parceira, o comportamento de nossos filhos.
O bom profissional gosta de ser reconhecido, o bom filho fica feliz por
 ser louvado, o pai e a boa mãe sentem-se bem ao serem amados e
amparados.
  O amigo quer  sentir-se querido
Vivemos numa sociedade em que cada um precisa do outro; é
 impossível uma pessoa viver sozinha e sentir-se feliz. Os elogios
são forte motivação na vida de cada um.

 Quantas pessoas posso fazer hoje feliz elogiando-as de alguma forma?

Consulta e diagnóstico

Torturado por terríveis dores lombares, fui consultar um famoso ortopedista
.Após analisar a radiografia, receitou-me anti-inflamatórios e teceu algumas
 considerações a respeito da coluna, nervo ciático, etc., etc., tudo com uma
contagiante simpatia e demonstração de profundo conhecimento profissional.
Nunca entendi tão bem o porque o médico usava muito o substantivo
"PACIENTE" contrariamente a outros iatros que já usam o substantivo cliente!
 Para definir o doente num consultório médico, como naquele dia; porque sim:
 é de todo bom senso e civismo, ouvir, com grata paciência e atenção, aquilo
 que alguém nos está a dizer, ordenar, sugerir e/ou aconselhar, para nosso
 exclusivo bem estar de saúde...
Depois de ouvir, atentamente, todas as recomendações posológicas  relativas
Às minhas  patologias perguntei como leigo que sou.
- Doutor, o que fiz durante a minha vida, ou estou ainda a fazer, que possa ter
originado estas dores esta gerodermia tão visivel?
E ele, depois de olhar frontal e francamente para mim, respondeu com simpática
 convicção:- Aniversários meu amigo, aniversários !... (  PDI )





10 dicas de limpeza usando halo (sal)

 O sal é um dos temperos essenciais em boa cozinha. Ele é usado em
praticamente todas as refeições que preparamos, mas o que você talvez
ainda não saiba é que o sal pode ser utilizado muito além das panelas.
Selecionamos aqui 10 dicas excelentes de limpeza com sal. A dica
número 8 vai te impressionar, e é excelente para usar nos fins de
semana. Confira:
1. Limpe ovos quebrados
Você acidentalmente deixou cair um ovo no chão? Sempre usamos
 um monte de toalhas de papel para limpá-lo, o que é um desperdício.
 Mas, depois dessa dica, você não vai mais se estressar com isso: basta
Polvilhar sal no ovo quebrado no chão ou na pia e deixe ali por alguns
 minutos.
Então você só vai precisar de uma, no máximo duas toalhas de papel
para removê-lo completamente. E pronto!
2. Remova resíduos do ferro de passar
De vez em quando, o ferro de passar roupa fica com resíduos pegajosos
difíceis de remover. Aqueça-o em temperatura máxima por alguns
minutos. Enquanto isso, coloque um pouco de sal em
O seu ferro é um pouco pegajoso? Ligue-o ao calor máximo por alguns
minutos. Enquanto aquece, salpique um pouco de sal sobre um pedaço de
jornal. Então passe o ferro em movimentos circulares sobre o sal, que
irá absorver a sujeira do ferro.
3. Limpe o vinho no tapete
Derramou um pouco de vinho no tapete? Seja branco ou tinto, você pode
limpá-lo facilmente despejando um pouco de bicarbonato de sódio e
cobrindo-o com sal. Deixe o sal absorver o máximo de líquido possível,
e quando a área secar, basta aspirar com o aspirador de pó.4. Limpe as
manchas do batom de vidros e cristais
Você preparou um jantar e, na hora de lavar toda a louça, viu que
taças de vidro e cristais estão com marcas de batom, o que é comum.
Porém, se a mancha está persistente, basta esfregar um pouco de sal
que o batom sai rapidamente. Depois é só lavar com água e
detergente.5. Limpe e desinfete a tábua de carne
A tábua de carne pode proliferar bactérias se não for higienizada
adequadamente. Para isso, esfregue meio limão sobre a tábua,
 despeje sal, deixe agir por 10-15 minutos, e depois esfregue com o
 limão novamente. Se o limão secar, aperte-o e continue limpando.
Depois, enxágue bem.
6. Limpe talheres de prata
Talheres de prata são mais propensos a ficarem manchados, e nem
Sempre o detergente consegue remover as manchas. Para isso, coloque
 um pedaço de papel-alumínio no fundo de uma panela juntamente
 com 1 colher de chá de sal e 1 de bicarbonato de sódio. Encha com
água e depois coloque os talheres. Ferva por 5 minutos e, passado
 esse tempo, escorra a água e então enxágue normalmente.
7. Limpe panelas e frigideiras
Você acidentalmente queimou a comida e aquele resto queimado não
 quersair? A maneira mais simples de limpar é despejar sal sobre a panela,
adicionando água em seguida. Esta mistura ajuda a soltar toda o
resíduo queimado e, depois de dez minutos, você pode lavar a panela
facilmente. O mesmo método também vale para óleo queimado no forno.
8. Limpe as esponjas

Quando lavamos louça, muitas vezes as esponjas, mesmo as mais novas,
ficam com resíduos escuros e desagradáveis que são difíceis de
remover. Para acabar com isso, basta encher um pequeno recipiente com
2 xícaras de água e um quarto de xícara de sal. Coloque a esponja e
deixe-a de molho durante a noite. Ao retirá-la logo pela manhã, vai
estar como nova. O ideal é fazer isso pelo menos uma vez por semana,
mesmo sem manchas na esponja, pois este método também é eficaz para
eliminar bactérias.
Também pode lhe interessar:
Saiba como deixar sua pia de porcelana branca tinindo
Você sofre limpando a casa inteira? Facilite a sua vida!
Você Não Sabe O Que Pode Fazer Com Um Palito de Dente!
9. Remova manchas do banheiro
Às vezes, os produtos específicos para limpar o banheiro não são tão
eficientes. Para uma limpeza completa, misture uma xícara de
terebintina com uma xícara de sal (use luvas e abra a janela para não
respirar o odor da terebintina). Com o auxílio de uma escova, aplique
esta pasta nas manchas e locais sujos do banheiro. Depois de um
minuto, você vai ver tudo limpo. Aplique a pasta em uma esponja e
esfregue-a. Após cerca de um minuto, você verá que as manchas
10. Limpe os ralos do banheiro
É inevitável que o ralo do banheiro não fique entupido, pois absorve
sujeira e fios de cabelo. Primeiro, tente remover o máximo possível de
fios presos no ralo. Misture um quarto de xícara de bicarbonato de
sódio com um quarto de xícara de sal. Despeje a mistura diretamente no
ralo e, em seguida, despeje também meia xícara de vinagre. A mistura
vai começar a espumar e, em torno de 15 minutos, a sujeira vai começar
a sair. Em seguida, coloque água fervente no ralo para eliminar

qualquer tipo de resíduo

A Arca de Noé

A maioria de nós conhece a história retratada na Bíblia, na qual
 Noé tomou um macho e uma fêmea de cada espécie animal a
 bordo de seu barco para evitar um dilúvio gigante que foi
enviado para destruir tudo em seu caminho. Quando o
dilúvio diminuiu, os animais saíram da referida Arca e foram
 capazes de se reproduzir e repovoar  todo o planeta.
. De acordo com Gênesis 8: 4, “a arca repousou
 sobre os montes de Ararate no sétimo mês”. Como seria de
 esperar, essa referência bíblica atraiu muitas equipes para o
 local para descobrir mais sobre sua existência. Será que
estamos prestes a descobrir mais sobre a Arca de Noé?
 Uma equipe de exploradores cristãos afirmou ter encontrado
 os restos da arca de Noé sob a neve e os detritos vulcânicos
no monte Ararate, na Turquia. Imagens do local também
parecem bastante convincentes. Falando para uma reunião
de mais de 100 cientistas da Turquia e de todo o mundo, 
num simpósio de três dias, um pesquisador americano, o
 professor Paul Esprante, disse que pretende divulgar mais
evidências para provar que a arca chegou lá.
No que concerne à preservação de todas as espécies animais.
O porco foi mais difícil de entrar na Arca d Noé! Por isso, foi
Amaldiçoado pelas religiões: judaica e musulmana. Por essa
razão os crentes dessas duas religiões  não comem carne de porco


sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

O que é Legionella


A legionella pneumophila é uma bactéria que pode provocar uma
 pneumonia grave conhecida como doença dos legionários. Esta
 bactéria desenvolve-se em ambientes  de água doce (naturais ou
artificiais) e onde se libertam, com relativa facilidade,
aerossóis (gotículas de água). Entre estes ambientes incluem-se
 equipamentos de refrigeração com água tépida (com temperatura
s entre os 20º e os 45º), fontanários e aparelhos de aerossóis. Também
pode ser encontrada em lagos, rios e reservatórios naturais, mas os
 pontos de maior disseminação são as torneiras de água quente e fria,
 chuveiros, jacuzzis, termas, entre outros, nos quais se verifique uma
 má manutenção dos aparelhos ou problemas na desinfeção da água.
2. QUAIS OS PRINCIPAIS SINTOMAS?
Existem dois tipos de sintomas. Os de primeira ordem são tosse seca,
 expetoração, febre (usualmente acima dos 39ºC), mal-estar, dores
musculares e pontadas torácicas.
 Em alguns casos verifica-se ainda diarreia, vómitos e delírio. Mais
Tarde  e se a situação se complicar, os sintomas podem evoluir para
 pneumonia e infeções respiratórias. Nos casos mais graves, a doença
 pode inclusive provocar a morte.
3. O QUE FAZER NOS CASOS EM QUE SE REGISTAM ALGUNS
 DESTES SINTOMAS?
O período de incubação da infeção (desde que se inalam as bactérias
até que surgem os  primeiros sintomas) pode ir até dez dias. Em caso
de dúvida, as pessoas devem contactar a Linha Saúde 24 (808 24 24 24).
4. COMO SE TRANSMITE A LEGIONELLA? DEVO DEIXAR DE 
BEBER ÁGUA  DA TORNEIRA?
A legionella pode ser transmitida através da inalação de aerossóis
 (gotículas de água) que contenham esta bactéria, que se aloja e
 desenvolve nos pulmões. No entanto, o contágio nunca ocorre pessoa
 a pessoa.
 As pessoas não devem ter receio de beber água ou cozinhar com água
 da torneira, uma vez que a infeção apenas se transmite através da
 inalação das gotículas de água (ou seja, aerossóis, e não vapor de água).
 No entanto, não deverá beber água colocando diretamente a boca na
torneira, uma vez que pode haver inalação de gotas contendo partículas
 contaminadas.
5. QUEM SÃO AS PESSOAS MAIS SUSCETÍVEIS À BACTÉRIA?
A legionella atinge sobretudo as pessoas com um sistema imunitário mais
 debilitado. Assim,  os adultos, principalmente os de idade superior a 50
 anos, são aqueles que têm um maior risco de ser infetados com a doença
 dos legionários. Os homens têm duas a três vezes mais probabilidades de
 ser afetados pela bactéria. Fumadores, pessoas com diabetes, cancro
ou outras doenças crónicas que debilitem o sistema imunitário têm
também uma probabilidade  maior.
6. AS CRIANÇAS PODEM ESTAR EM RISCO?
A legionella raramente atinge pessoas com idade inferior a 20 anos, uma
 vez que têm um sistema imunitário mais forte. Desta forma, é pouco
provável que a legionella afete crianças.
 No entanto, as crianças imunodeprimidas tornam-se mais suscetíveis.
7. EXISTE TRATAMENTO PARA A DOENÇA DOS LEGIONÁRIOS?
Esta é uma bactéria que pode ser fatal, mas existe tratamento
disponível através de antibióticos.
8. QUE CUIDADOS DEVEM TER AS PESSOAS?
As pessoas podem levar uma vida normal. Ainda assim, algumas
 precauções devem ser tomadas.
 Podem beber água, mas deverão ter cuidado para não inalar
 partículas de água. Deverão adotar cuidados redobrados em locais
 públicos com desumidificadores, em jacuzzis, hidromassagens,
fontes ornamentais com esguicho de  água, piscinas, locais com
refrigeração industrial e outros onde exista esse risco de inalação de
aerossóis. No entanto, a subdiretora-geral da Saúde reforça que estes
 cuidados são apenas válidos durante estes dias de surto de legionella.
9. PORQUE É QUE DEVEMOS EVITAR OS DUCHES? O BANHO
 DE IMERSÃO É PREFERÍVEL?
As autoridades recomendam que se evite tomar banho por duche,
sendo preferível o banho de imersão, onde a probabilidade de inalar
aerossóis é bastante menor.
 Ainda assim, os duches podem ser utilizados se as pessoas adotarem
 alguns cuidados, que passam por afastar o chuveiro da cara e desinfetar
 os chuveiros uma vez por semana, mergulhando-os em água e lixívia
durante30 minutos. Já as crianças podem tomar banho com segurança,
 uma vez que muito raramente ganham esta infeção. Nas casas com
 termoacumuladores, a temperatura da água deve ser superior aos 75ºC,
 impedindo que a bactéria se desenvolva.
10. QUANDO É QUE A LEGIONELLA FOI DESCOBERTA?
A bactéria deve o seu nome ao contexto no qual foi descoberta. A
 doença foi identificada em 1977
 pelo Centro Norte-Americano de Prevenção e Controlo de Doenças,
 um ano depois de um congresso de veteranos da Legião Americana
 num hotel em Filadélfia,  nos Estados Unidos.
Nessa conferência, mais de 180 participantes foram afetados por um
surto de pneumonia grave e 29 morreram. Foi assim que, um ano mais
 tarde e quando foi descoberta, a bactéria ganhou o nome de legionella e
 a infeção que esta provoca ficaria conhecida como doença dos 
legionários.
. Chegou-se posteriormente à conclusão que a bactéria tinha sido
transmitida pelo sistema de refrigeração central.

Diferentes gerações e suas diferenças

 Um jovem perguntou:  ao seu avô.
- como você viveu antes?
sem tecnologia, sem smartphones,  sem interne,  
sem computadores, sem tvs plasma  ou led, Sem
 redes sociais, Sem drones, Sem celulares, tablets,
 notebook e laptop? "
O  avô respondeu:
-A tua geração vive hoje: sem orações, sem compaixão,
 sem honra, sem respeito, sem vergonha sem esforço,
sem responsabilidades, sem modéstia".
Nós, as pessoas nascidas no século passado, somos
 abençoadas.
Nossa vida é prova viva.
- Enquanto andávamos de bicicleta, não usávamos
 capacetes.
- Depois da escola, jogávamos até o anoitecer no 
bairro, sem medo.
- Nós brincávamos com amigos reais, não com amigos
 virtuais da Internet totalmente desconhecidos.
- Se tivéssemos sede, beberíamos água da mangueira,
não engarrafada.
- Não havia perigo de compartilhar o mesmo copo de 
suco com quatro amigos.
- Não ganhamos peso comendo junk food.
- Nem nos aconteceu nada caminhando com os pés
 descalços.
- Nunca usamos um suplemento para nos manter
 saudáveis.
- Nós faziamos os nossos próprios brinquedos para
 brincarmos com eles.
- Os nossos  pais não eram ricos. Eles davam amor, não
coisas materiais.
- Não tínhamos telefone, celulares, DVD, Play Station,
 Xbox, jogos de vídeo, computadores pessoais, internet,
 redes sociais.
 - Mas nós tínhamos amigos reais.
- Nós visitávamos a casa de nossos amigos sem termos
 sido convidados e   apreciávamos a refeição com eles.
- Os parentes viviam nas proximidades para aproveitar o
 tempo da família.
- Podemos estar em fotos em preto e branco, mas você
 pode encontrar memórias coloridas nessas fotos.
- Somos uma geração única e mais compreensiva, porque
 somos a última geração que ouviu seus pais, avós, tios e
 respeitou os mais velhos.
Também respeitamos mestres,  as autoridades,
 professores  e o padre de nossa paróquia.
Somos uma edição LIMITADA! Cada  dia que passa
 somos menos.
Por tudo isto, tenta  aprender alguma coisa de bom 
enquanto esta notável geração existir!

Duas espécies distintas de ladrões

Na vida, existem dois tipos de ladrões;
1-O ladrão comum: é aquele que rouba o seu
 dinheiro, sua carteira, relógio, telefone, etc.
2-O ladrão plutocrata: é aquele que rouba o seu futuro,
 seus sonhos, seu conhecimento, seu salário, sua
educação, sua saúde, sua força, seu sorriso, etc.
Uma grande diferença entre estes dois tipos de ladrões,
é que o ladrão comum escolhe-o para roubar os seus
bens, enquanto o ladrão plutocrata é você que o escolhe
 para ele o roubar.
E a outra grande diferença, não menos importante,
é que o ladrão comum é procurado pela polícia
enquanto o outro ladrão  é geralmente protegido por  
dezenas de policias.
 Pensem bem nisto









                

O disfarçado filantropo

Certa tarde, um Banqueiro muito rico passeava no banco de trás de 
sua Limusine de 10 lugares, quando avistou dois homens comendo
 erva na beira da estrada.
Ele ordenou que seu motorista parasse para que ele pudesse 
investigar.
Ele perguntou a um dos homens: "Por que você está comendo  
a relava?"
"Nós não temos dinheiro para comprar comida", respondeu o 
pobre homem.
"Ah, então venha comigo", disse o Banqueiro.
O homem respondeu: "Mas senhor,  eu tenho uma mulher e 
dois filhos!
"Traga-os também!" respondeu o Banqueiro.  Ele dirigiu-se ao 
outro homem e disse: "Venha connosco você também"."Mas 
senhor, eu tenho uma esposa e 3 filhos!" O segundo homem 
respondeu.
"Traga-os também!" respondeu o Banqueiro enquanto se dirigia
 para a Limusine.
Todos entraram no automóvel.
No caminho para casa do  Banqueiro, um dos homens que 
comia  erva diz:
 "Senhor, está a ser muito gentil connosco! Obrigado por nos
 convidar".
O Banqueiro respondeu: "Não há problema algum!  
A erva do jardim da minha casa já está com quase dois metros
 de altura!
 Como não queria pagar a um jardineiro, aproveitou-se destes
 pobres para lhe comerem a relva como que fossem animais
 roedores!
Todos os banqueiros emprestam o guarda-chuva quando está
 sol, logo que chove tiram-no


quinta-feira, 9 de novembro de 2017

O rosto da Republica

A mulher invulgar que deu o rosto à República

O escultor Simões de Almeida, sempre sob o olhar atento da mãe. 
Chamava-se Hilda Puga e a sua vida foi plena de aventuras. O Expresso
conta-lhe a história de uma mulher invulgar, que sobreviveu a dois 
cancros, esteve casada dois meses, foi rica mas teve tornar-se costureira 
para sobreviver e morreu no dia em que celebrou 101 anos
Até 1970, Hilda Puga andava nos bolsos de todos os portugueses. Era dela o
 rosto das moedas de 5 escudos e de 50 centavos, fruto do serviço patriótico 
que prestou muitos anos antes, quando a República foi instaurada, em 1910.
Ela, que "até era profundamente monárquica, muito católica e reacionária", 
recorda o neto, Nuno Maia, 50 anos, "aceitou o pedido do escultor Simões 
de Almeida por amor ao país." Hilda tinha 16 anos, e trabalhava numa 
camisaria na R. Augusta, na Baixa de Lisboa. Estava a fazer uma entrega
quando se cruzou com o escultor, que lhe achou graça e a convidou para ser
sua modelo.
Como Hilda era menor de idade, Simões de Almeida teve de pedir 
autorização à mãe dela, que lhe impôs duas condições: a primeira, ela 
própria teria de estar presente nas sessões - que duraram duas horas, 
durante um mês; e a segunda era que a filha teria de posar vestida. Foi 
esta, aliás, a razão que levou Hilda Puga a só falar abertamente deste 
episódio depois dos 90 anos... É que o busto de Simões de Almeida
 mostra uma mulher de amplo decote, e Hilda jura "que,só tinha
 desabotoado um botão da camisa..."
Este poderia ser um episódio de relevo na vida de muita gente, mas 
para Hilda foi apenas um numa vida cheia de aventuras e reviravoltas.
 Nas primeiras está, por exemplo, uma viagem de barco de meses até
 ao Amazonas. Nas reviravoltas da vida estão a perda do pai e a 
passagem de menina rica a costureira.
DE LISBOA PARA BELÉM DO PARÁ
 O pai de Hilda, Tomás Garcia Puga, era um homem abastado, 
proprietário da fábrica de tijolos da praça de Touros do Campo
 Pequeno (Lisboa). Apaixonou-se pela empregada, com quem viveu a
 vida toda e de quem viria a ter cinco filhos 
– mas o ato de amor custou-lhe o corte de relações com a família de
 origem, que nunca aceitou uma união tida como "inferior". Um revés
 nos negócios obrigou Tomás Puga a vender a fábrica. Atraído pelo
 Eldorado da borracha no Novo Mundo, em finais do século XIX, ruma
 a Iquitos, na Amazónia peruana, onde ergue um armazém geral. A vida
 corre bem, tanto que, passados poucos anos,Tomás chama a família
 toda.
 Numa longa viagem de mais de três meses, de"vapor, barco e piroga", 
Hilda, a mãe e os quatro irmãos rumam de Lisboa até Belém do Pará.
Passaram-se três anos felizes na Amazónia, até que Tomás Puga
 adoece com beriberi, uma avitaminose provocada por deficiência de
 vitamina B1. O médico dita a sentença: Tomás tem de regressar a um 
clima temperado, sob pena de morrer. A família Puga embarca de novo, 
de regresso a Lisboa – mas o chefe de família não aguenta a viagem e
 morre a bordo, ao largo de Cabo Verde. O funeral é feito no mar. À
 chegada à Lisboa, sem o sustento da família, esperava-os a miséria.
Foi a educação dos anos de desafogo financeiro, que proporcionou 
aulas de piano, costura e bordado, que permitiu à mãe e às irmãs
 Puga sobreviverem. 
Hilda dedicou-se à costura – nunca deixou de costurar, a vida toda. 
"Fê-lo diariamente até aos 96 anos", conta o neto - "lençóis, toalhas,
fardas de empregada, crochet", e ocupava-se muito em leituras. Mas 
a vida ainda lhe reservaria outros desafios.

Ainda antes dos 30 anos, Hilda teve um primeiro cancro de mama, 

que o pai do médico Gentil Martins retirou. Na mesma altura, casou-se, 
com um jornalista – foi a última das irmãs a fazê-lo. Mas também aqui 
não teve sorte, permanecendo casada escassos dois meses. Arremessou 
um candeeiro à cabeça do marido, e, apesar de muito católica, pediu o
 divórcio em 1932(ainda antes da Concordata ser assinada em Portugal),
 somando para si mais um estigma social: o de mulher divorciada.
Não tornou a casar-se, e nunca teve filhos – mas criou como tal uma
 sobrinha, Emília, que lhe chamaria sempre "mamã". Aos 60 anos, 
Hilda teve um cancro na outra mama, e mais tarde, retirou outro 
tumor, na 
barriga. 
Cegou ainda de um olho, o esquerdo. A tudo isto sobreviveu. Com a
 costura, sustentava a mãe e filha "adotiva". Até que esta se casou, em
 1957. Após 3 anos de vida em comum com Emília e o marido, optou
por ir para um lar, aos 77 anos. Estava muito habituada ao seu espaço, e
 custava-lhe ter de prescindir da sua liberdade.
Onze anos mais tarde, sofreu o maior de todos os golpes: Emília morria, 
de cancro de mama. Hilda remeteu-se à clausura total, no lar, não saindo
 de lá durante uma década. Foi preciso nascer o primeiro sobrinho neto
para tornar a passar o Natal em família. Em 1991, parte uma perna e
 cai à cama.
 Nessa altura, o seu maior problema era "não poder costurar". Dois anos 
depois, falece, aos 101 anos. Morria o rosto da República


Os meninos de hoje

Os meninos hodiernamente não podem sair da nossa
 beira porque os meninos não podem estar sozinhos.
Os meninos não podem ficar no recreio a brincar
quando os professores faltam - são levados para
a biblioteca ou para alguma aula de pseudo-apoio.
 Se os meninos ficassem no recreio a jogar à bola
e se por acaso se magoassem, o que seria dessa
escola! Os pais poderiam até processar a instituição
 de ensino! Os meninos não podem ir a pé ou de
 autocarro para a escola porque isso pode ser
perigoso. Os meninos não se podem sujar ou magoar
- os pais nunca se perdoariam (e fá-los-ia perder
 tempo que não têm). Os meninos andam a saltar
dos pais para os avós e para a escola e para o atl e
para a piscina e para o inglês e para a música e
para o karaté e para o futebol e para a patinagem
 e... Porque os meninos têm de estar sempre
ocupados e nunca sozinhos; não saberiam o que
fazer com o tempo livre. E os pais têm de ganhar
dinheiro para os meninos andarem sempre bonitos
e com roupa de marca - caso contrário, os colegas
poderiam até gozá-los. E se o colega tem uma coisa,
 o menino também tem de ter (senão faz birra e
com toda a razão). E os meninos têm de ter festas
 de aniversário espectaculares - e não pode ser em
 casa só com a família, que isso não se usa. Tem
de ser com a turma toda e os amigos e os primos
 e tem de se alugar (e pagar) um sítio onde tenha
 muitos brinquedos e escorregas e palhaços e
 malabaristas e baby-sitters. Algum sítio onde
alguém se responsabilize pelos filhos dos outros,
de preferência. 
 Alguns meninos até comem com auscultadores
 colocados nos ouvidos - e ainda bem, para não
incomodar a conversa dos adultos. Os meninos
só vêem desenhos animados (e a televisão é deles
quando eles estão em casa). Porque tudo que 
os meninos querem, os meninos têm.

Reflexão sobre a fauna e flora

Quando um pássaro é mirmecófago, ele come as formigas, mas
quando o pássaro morre, são as formigas são ornitófagas que o 
comem os pássaros.
 O tempo e circunstâncias podem mudar a qualquer minuto na vida
 dos animais e das plantas. 
Por isso, não desvalorize nada à sua volta. 
Você pode ter poder hoje, mas, lembre-se:
O tempo é muito mais poderoso que qualquer um de nós! Uma
 árvore faz um milhão de fósforos, mas basta um fósforo para
queimar milhões de árvores. Portanto, seja bom! Faça o bem!
"O tempo é como um rio. Você nunca poderá tocar na mesma
água duas vezes, porque a água que já passou, nunca passará
 novamente.
Aproveite cada minuto da sua vida e lembre-se:
Nunca busque boas aparências, porque elas mudam com o tempo.
Não procure pessoas perfeitas, porque elas não existem.
Mas busque acima de tudo, um alguém que saiba o seu verdadeiro
 valor."
Tenham 3 amores:
- A Vida;
- A Família;
- Os Amigos
A vida porque é curta;
A família porque é única;
E os amigos porque são raros!